Damon Hypersport é uma moto elétrica com 200 CV

A Damon Motorcycles, empresa com sede em Vancouver no Canadá, anunciou as caraterísticas da sua moto elétrica superdesportiva Hypersport.

A nova moto utiliza uma bateria refrigerada a água de 20 kWh e um motor elétrico de 200 CV, mais ou menos o mesmo que tem um motor 1000 cc de uma superdesportiva a combustão. A aceleração dos 0 aos 100 km/h acontece em menos de 3 segundos e a velocidade máxima é de 320 km/h.

Mas estes não são os únicos números impressionantes. A Damon diz que a Hypersport oferece uma autonomia de 323 km em autoestrada e 482 km em cidade. E se isto não for suficiente para os entusiastas deste tipo de motos, pode ser totalmente carregada em menos de três horas a partir de um carregador de nível 2. Pesa qualquer coisa como 226 kg.

Mas não é só o motor que torna esta HYpersport especial. A Damon equipou-a com vários sensores avançados que monitoram os vários objetos em torno do piloto e da moto. Se verificarem algum tipo de perigo, o condutor será avisado através de luzes no pára-brisas e vibrações hápticas nos punhos.

Também não existem retrovisores. A Hypersport faz uso de uma câmara traseira que transmite o que se passa na secção traseira da moto. Tem ainda dois modos de condução, um mais confortável e um segundo mais desportivo.

Já há preços para o mercado canadiano. 24 995 dólares como preço de arranque, mas a marca propõe uma série limitada de 25 unidades equipada com travões Brembo, suspensões Ohlins e só braço da suspensão em carbono à frente, por um preço de 40 mil dólares.

Artigos relacionados

Edição 60 comemora os 5 anos de revista Motos

A partir de amanhã já podem encontrar nas bancas mais uma edição da revista Motos, que por sinal é a do nosso 5º aniversário!

Honda Rebel 500 e a CB1100TR na Bike Shed de 2017

A Honda confirmou a presença da marca na Bike Shed – o principal salão de motos Custom do Reino Unido – com duas propostas oriundas de segmentos totalmente distintos do universo de motos custom.

Piloto português no Campeonato Mundial SSP300

Miguel Santiago vai estrear-se este ano no campeonato mundial de Superbikes (WSBK) na categoria de SSP300, sendo o único português na grelha.