Novo capacete FF805 Thunder Carbono da LS

A LS2 superou todas as expectativas na criação do novo capacete Racing, o FF805 Thunder Carbono. Uma calota totalmente nova produzida em Carbono 6K de dupla camada.

A camada externa feita de carbono e a interna composta por mistura de Carbono + Kevlar + Alamidas, culminado assim na mistura perfeita para a melhor segurança possível para o piloto/motociclista.

De salientar que este superdesportivo foi desenhado com um campo de visão altamente alargado, fazendo com que o piloto/motociclista não tenha que virar muito a cabeça na pista/estrada, permitindo assim uma maior concentração e estabilidade durante a condução.

O seu sistema de encaixe de viseira ultrarrápido e patenteado pela LS2, confere a este capacete não só um design muito mais arrojado, mas também eleva os patamares de segurança a outro nível. Em caso de queda grave, a viseira nunca sairá disparada.

As suas 1400gr tornam o Thunder C num capacete extremamente leve e confortável. Este capacete tem ainda várias entradas de ar na zona frontal, para permitir uma circulação de ar em todo o capacete e manter assim o piloto/motociclista o mais cómodo possível.

Este já é o capacete líder no SBK e a escolha de pilotos como Jorge Navarro (Moto2), John Mcphee (Moto3) e Ruben Rinaldi (SBK Aruba Ducati) e Tom Booth-Amos (Superport 300). O FF805 Thunder C está disponível em 6 decorações diferentes e 1 lisa, e numa versão totalmente homologada pela FIM produzida em Carbono 9K. A sua calota longa oval compreende os tamanhos entre XS-XXL.
PVP recomendado – Liso – 560€ | Decorações – 589€ | FIM – 709€.

Artigos relacionados

14.º Troféu Yamaha 2017 | Alpiarça – Grande Final

A vila de Alpiarça, concelho de Santarém, fecha assim mais um ano de competição e convivo desta família que é a caravana do Troféu Yamaha.

Teste à nova Honda CBR 1000 RR-R Fireblade SP

Estivemos aos comandos da nova Honda CBR 1000 RR-R Fireblade SP e contamos-lhe tudo na próxima edição da Revista Motos que está amanhã nas bancas. Não perca este vídeo.

Queda dita abandono de Gonçalo Ribeiro em Portimão

A participação portuguesa na quarta ronda da Hawkers European Talent Cup, no Autódromo Internacional do Algarve, terminou de forma inesperada para Gonçalo Ribeiro e a Lousa estradas Racing Team, na sequência de uma queda quando decorria a quinta volta da corrida destinada ao troféu monomarca que integra o Campeonato Europeu de Velocidade, o FIM CEV Repsol.