Passeio de ciclomotores e motociclos clássicos em Mação, dia 3 de julho

Estamos no verão e não há como o negar! Os dias são longos e solarengos, usamos menos roupa, saímos mais de casa e, muito importante, vê-se muito mais gente a circular de moto! Muitas só agora estão a sair da toca, como se tivessem estado em hibernação num longo inverno.

Durante a época estival há os grandes eventos motociclísticos, como o Portugal de Lés-a-Lés, as concentrações motards, com Faro à cabeça, o Traveler’s Event, o LxMMF, o Xassos Urban Cup e muito mais, incluindo uma pausa em muitas das competições internacionais, a chamada silly season.

Destaque pela positiva para os encontros de duas rodas que se vão realizando por esse país fora e que juntam motos de diferentes tamanhos e feitios, unindo também pessoas de distintas gerações que querem conviver e andar de moto!

Foi nessa lógica que fui a Mação, simpática vila ribatejana, mas com fortes influências da Beira Baixa e do Alto Alentejo! Afinal de contas, fica na confluência das 3 regiões e ainda é um segredo mais ou menos guardado, como a generalidade do Interior do país.

Integrado na Feira Mostra do concelho realizou-se assim, no dia 3 de julho, o IX Passeio de Motos e Motorizadas Antigas do Concelho de Mação, sob direção do Centro Social Cultural e Desportivo dos Envendos.

Como foi o passeio?

Numa palavra: ótimo! Claro que escrever isto é demasiado redutor e o facto de Mação ter muitos atrativos paisagísticos e a caravana ser muito diversificada são suficientes para uma crónica detalhada, mas aqui vamos apenas aguçar-lhe o apetite, deixando a reportagem para depois na sua Revista Motos, edição em papel.

O ponto de partida e de chegada foi o Largo da Feira, verdadeiro centro nevrálgico para os quase 100 participantes mostrarem as suas máquinas (algumas com passageiro/a), sendo que várias delas têm sido alvo das nossas crónicas semanais dos ciclomotores e motociclos que marcaram as décadas de 70, 80 e 90, mas as fotos falam por si…

Depois de um pequeno-almoço (adoramos comida e come-se tão bem em Mação), saímos para uma “voltinha” pelo concelho e os 60 km’s (soube a pouco, mas o preço do precioso néctar não ajuda) fazem-se num ápice, incluindo uma paragem na Praia Fluvial da Ortiga, que “perturbou” um pouco a quietude dos veraneantes. Tudo termina… com o almoço, claro está! Uma voltinha destas sem comida e bebida não era a mesma coisa!

As nossas vidas são plenas de percalços, imprevistos e peripécias e num passeio destes não pode ser diferente, mas o importante é termos um espírito positivo e contar com a entreajuda dos outros em especial nesses momentos, nem que seja para mudar um cabo de acelerador que partiu.!

Não somos nada estando isolados! Até o náufrago Robinson Crusoe (personagem que dá nome ao livro fantástico de Daniel Defoe) teve direito a companhia humana quando estava sozinho na ilha, com a personagem Sexta-Feira. Já agora, fica o convite para (re)ler este livro e ainda outra sugestão para o seu verão: saia de casa e vá andar de moto! E não importa a cilindrada! O que interessa é o espírito!

Texto e fotos: Pedro Pereira

About author

Artigos relacionados

Notícias

28ª edição do European HGO Rally será em Cascais em 2019

A Harley-Davidson tem o prazer de anunciar que o seu European H.O.G. (Harley Owners Group) Rally terá lugar em Cascais de 13 a 16 de junho de 2019.

Notícias

Capacete modular da Nava chama-se Sprint

SPRINT é o nome do popular capacete modular da marca Nava!

Notícias

Saiba o que vai mudar no Dakar em 2020

Após o anúncio da mudança de continente, uma vez que o Dakar 2020 vai ser realizado na Arábia Saudita, o diretor do Rally David Castera, reuniu-se com vários participantes num Dakar Tour que começou em Paris, passou por Varsóvia e terminou este fim de semana em Buenos Aires.