Pilotos portugueses em alta nas provas marroquinas

Mário Patrão reforçou hoje a sua liderança no Morocco Desert Challenge depois de ter disputado um setor seletivo de 335 quilómetros cronometrados que começou com a lendária pista do Dakar que atravessa a maior zona militar do sul de Marrocos com paisagens desoladas, mas lindas. Depois de percorrer o Lago Iriki, a etapa cruza as dunas do Chegaga.

O piloto foi o segundo mais rápido desta segunda etapa e passou a ter uma vantagem 14m28s para o segundo classificado que é o holandês Maikel Smits.

Para Mário Patrão que participa nesta grande maratona africana com o objetivo de preparar a sua participação na edição de 2019 do Dakar “as coisas estão a correr como o planeado em Portugal.

Hoje, tal como na etapa de ontem fiz um bom teste à navegação. Tenho sido sempre eu a abrir a pista e não tenho cometido erros o que me deixa bastante feliz! Tenho-me sentido bem fisicamente e a minha KTM tem-se portado muito bem sem dar qualquer problema”.

No terceiro dia de competição no Merzouga Rally, o campeão nacional António Maio voltou a enfrentar uma etapa com uma navegação muito exigente e complicada. O piloto da equipa Yamaha Fino Motor Racing ultrapassou todos os problemas da véspera e teve uma prestação positiva.

Nesta segunda etapa do Merzouga Rally o piloto Marcolino Sebo gastou 3h23m38s a percorrer os 170,30 km que compunham o setor seletivo de novo repartido por duas Boucles. Foi 3º do Dakar Challenge numa etapa ganha à geral pelo argentino Kevin Benevides.

Mário Patrão

Artigos relacionados

Novo casaco Falcon da Bering

A Salgados Motos iniciou a comercialização do novo blusão da Bering.

Revista ‘Motos’ já tem a edição de agosto nas bancas

A ‘Motos’ de agosto tem muito para entreter os veraneantes.

Jett Design torna mais apelativa Ducati 749

A Ducati recorreu à Jet Design para transformar uma Ducati 749.