Watkins M001 mostra como é difícil simplificar uma moto

A Watkins 001 é a demonstração de como é difícil simplificar uma moto, mantendo o essencial dessa mesma moto. O seu criador, Jack Watkins é engenheiro, para além de professor e investigador da Universidade Tecnológica de Gdansk, na Polónia.

Watkins comprou uma BMW R1150T da qual apenas aproveitou o motor, boxer, com o cardán e o amortecedor traseiro. Não utilizou nem sequer as rodas: a dianteira é de uma Yamaha FJ6 e a traseira de uma GS.

E foi aqui que teve início o verdadeiro trabalho deste engenheiro, construir um chassis minimalista ao redor deste grande motor, com a obsessão acrescentada de incorporar uma suspensão dianteira tipo Harrier, com dois braços e dois amortecedores, que no caso são de uma Guzzi V7 e cumprem na perfeição com o seu trabalho.

Esta peça foi muito trabalhada, pois para a zona dos braços e para as ancarogens foi preciso criar rolamentos, suportes, entre outros.

A chave do chassis são duas platinas em aço produzidas com tecnologia 3D. Watkins não descarta produzi-las em alumínio, ainda que o aço tenha facilitado a soldadura num projeto que Watkins fez sozinho, e com pouca ajuda.

Atrás, umas alhetas em alumínio suportam os indicadores de mudança de direção e a matrícula. Todo o sistema elétrico, a bateria, a bomba de co,bustível e o depósito de 16 litros, ficam ocultos dentro do chassis, a peça que mais trabalho deu ao engenheiro.

Uma moto diferente, feita de peças de váris marca e de várias motos, mas que, no fim, todas encaixam.

Artigos relacionados

Golden Bat lança novas luvas Fusion 2 GTX

Surgem com a evolução do modelo Fusion GTX e foram especificamente desenvolvidas para enfrentarem condições climatéricas adversas.

Nolan lança réplica de capacete em carbono

O X-803 Ultra Carbon, fabricado totalmente em fibra de carbono, foi desenvolvido para uma utilização desportiva em circuito, mas também em estrada e no dia-a-dia.

Maxsym TL1: SYM apresenta nova scooter topo de gama

Retirando inspiração do segmento das motos desportivas, a TL1 surge equipada com um novo motor de dois cilindros em linha com 465cc, capaz de oferecer 40 cv de potência máxima.